Área Restrita

Ação Praça de Coqueiros - 2011

Sindicato conclui com sucesso ação no Parque de Coqueiros
Mais de 200 voluntários das empresas de asseio e conservação de SC se reuniram para limpar e revitalizar o parque localizado na região continental de Florianópolis

Muito além de uma ação isolada, um coletivo em prol de um planeta mais sustentável. No dia mundial da limpeza, 17 de setembro, ocorreram diversas atividades em favor do meio ambiente em todo o mundo. O Sindicato das Empresas de Asseio, Conservação e Serviços Terceirizados de Santa Catarina (Seac/SC) realizou uma ação de limpeza e revitalização do Parque de Coqueiros, em Florianópolis. Mais de 200 voluntários das organizações associadas ao sindicato se reuniram das 8h às 12h30 para limpar e varrer o espaço, recolher o lixo, pintar os bancos e lixeiras, além de plantar mudas de árvores e flores. A iniciativa fez parte de uma ação organizada pela Federação Nacional das Empresas de Serviços e Limpeza Ambiental (Febrac), que reuniu em todo o Brasil, neste mesmo dia, colaboradores e empresários prestadores de serviços terceirizados para um incentivo de conscientização ambiental.

A exemplo das edições anteriores, os voluntários formaram pequenos grupos de atividades para que as tarefas fossem desenvolvidas. Os participantes estavam uniformizados e identificados com a pulseira do grupo a que pertenciam. A ação contou com o apoio da Secretaria Municipal do Continente, Consulimp, Floram, Comcap, Fundasc e Novociclo. Além disso, teve patrocínio da Kuerten, Banana Brasil e Mestre Tigre. “O sucesso também se deve aos parceiros, patrocinadores e coordenadores das equipes envolvidas no projeto. Todos colaboraram para obter o resultado positivo”, salientou Evandro Linhares, administrador do Seac/SC.

Antes e durante a realização das atividades, o sindicato distribuiu 10 mil folhetos na região de Coqueiros informando sobre a iniciativa e apresentando materiais educativos para o público em geral. "Na ocasião, foi lançado o manual sobre sustentabilidade elaborado pela Febrac, detalhando ações que podem ser realizadas em prol do meio ambiente”, comentou Francisco Lopes de Aguiar, presidente do Seac/SC. Ao final das atividades ainda ocorreu um almoço de confraternização entre os voluntários envolvidos no projeto, com sorteio de uma TV digital de 32 polegadas.

Mão na massa

Varrição e pintura foram algumas das necessidades atendidas pelo sindicato nesta ação. As lixeiras que antes eram de concreto, receberam uma pintura na cor branca. Já os bancos ficaram com uma cor única. A equipe ainda fez uma varrição das calçadas, quadras e gramado, coletando todo o lixo encontrado. Por fim, a instituição também colaborou com algumas metas do parque, disponibilizando arborização e oportunizando o plantio de dezenas de árvores do tipo frutíferas e de sombra e flores.

Para completar, o sindicato ainda estava com uma ação agregada: o recebimento de materiais recicláveis no parque durante as atividades da ação de limpeza e revitalização. “Casar as duas iniciativas ajudou a estimular a sustentabilidade de forma geral e a preservação do meio ambiente como um todo”, afirmou Evandro Linhares, administrador do Seac/SC. Os doadores foram cadastrados e receberam um cartão personalizado com a pontuação que suas doações representaram. Assim, posteriormente, podem trocar por produtos fabricados pelas oficinas que manufaturam o lixo, como as sacolas ecológicas, camisetas, entre outros produtos. A promoção ocorreu em parceria com a ONG Novo Ciclo, responsável por esta iniciativa.

Planos futuros

Para o próximo ano, o sindicato faz novos planos. Em 2012 a ideia é estender o projeto para as principais cidades de Santa Catarina. Dessa maneira, a limpeza e revitalização serão feitas em outras regiões do estado, contagiando e contribuindo com um maior número de pessoas e localidades. A organização acredita que assim conseguirá estimular um maior e mais variado número de instituições para contribuir com as iniciativas sustentáveis. “O objetivo é motivar outras organizações a realizaram esse tipo de atividade”, completou Francisco Lopes de Aguiar, presidente do Seac/SC.